Phonambient
Mapa sonoro / Composição com paisagens sonoras

Phonambient é um projeto de documentação e transformação artística do património sonoro contemporâneo. Pretende registar e preservar numa base de dados digital (www.phonambient.com) os sons que caracterizem uma determinada cidade ou região, incluindo paisagens sonoras, sons localizados, excertos musicais,  fonética e fonologia.
O arquivo criado fica disponível gratuitamente para consulta e utilização em contextos criativos e científicos, tais como composições electroacústicas, sonoplastia ou reflexões teóricas, que serão também divulgadas na base de dados digital.
O Phonambient surge como uma expansão do projeto Porto Sonoro (www.portosonoro.pt), alargando a base de documentação inicial (confinada essencialmente ao centro histórico do Porto) para várias cidades: Braga, Guarda, Tondela, Fundão, Castelo Branco e Abu Dhabi. Pretende-se também partilhar conhecimentos e recursos originados a partir do Porto Sonoro de forma a facilitar a criação de uma base de dados mais abrangente e universal. Os recursos que podem ser partilhados incluem software já desenvolvido (POLISphone, URB e Manobrador), técnicas de captação para gravações de campo, técnicas de composição electroacústica, plataforma informática (servidor e design) e algum equipamento especializado (nas ações de formação).

Resumidamente, o Phonambient conta com uma equipa de trabalho fixa (Sonoscopia), que se desloca a várias regiões do país e do estrangeiro, apresentando o trabalho desenvolvido na região do Porto e partilhando conhecimentos, experiências e tecnologia. Esta equipa fixa trabalha com equipas locais de cada região durante um período laboratorial onde é criada uma equipa de trabalho local autónoma e que dê continuidade aos projetos aí iniciados.

O Phonambient conta ainda com uma apresentação final em cada região onde o projeto é implementado. A apresentação cruza a equipa de trabalho da Sonoscopia com as equipas locais, contendo demonstrações teóricas sobre o processo de trabalho e apresentações artísticas sobre a forma de concertos ou instalações sonoras.

Apresentações públicas:
Tondela: 13 Dezembro 2014. ACERT
Braga: 9 Janeiro 2015. GNRation
Fundão: 10 Janeiro 2015. A Moagem
Castelo Branco: 30 Janeiro 2015. CCCB
Abu Dhabi: 31 Janeiro 2015. NYUAD
Guarda: 31 Janeiro 2015. TMG
Porto: 10 – 14 Fevereiro 2015. Casa da Música
Ovar: 23 de Julho 2016. Festival Festa

Equipa:
Coordenação geral e direcção artística:
Gustavo Costa
Produção executiva e comunicação:
Patrícia Caveiro
Arquivo e Documentação: Patrícia Caveiro e Sara Gomes
Formação: Alberto Lopes, Eduardo Magalhães, Henrique Fernandes, Gustavo Costa, José Alberto Gomes, Filipe Lopes, Manuel dos Reis e Rui Dias.
Equipa artística: Alberto Lopes, Carlos Guedes, Henrique Fernandes, Gustavo Costa, João Mascarenhas, José Alberto Gomes, Filipe Lopes e Rui Dias.
Coordenadores Locais: Braga: Rui Dias; Tondela: Eduardo Magalhães e José Tavares; Guarda: Alberto Lopes e Paulo Adaixo; Fundão: Filipe Lopes e João Bento; Castelo Branco: Gustavo Costa e Carlos Semedo; Abu Dhabi: Carlos Guedes e João Menezes; Porto: Henrique Fernandes e José Alberto Gomes
Gestão de conteúdos web: Rodrigo Cardoso
Programação web: Dream Code
Web design e design de comunicação: Micaela Amaral
Produção: Sonoscopia
Parceiros Institucionais: CM Fundão, CM Guarda, CM Castelo Branco, Acert, Gnration, Casa da Música, ESART e New York University Abu Dhabi, Au Au Feio Mau

O Phonambient é um projecto financiado pelo Secretário de Estado da Cultura / Direcção Geral das Artes, e teve inicio no mês de Setembro de 2014.